ImprimirImprimir

Muito boa noite amados irmãos e amigos presentes aqui em São Luis Potosí, na congregação do nosso irmão e amigo Fernando.

         É para mim uma grande bênção estar com vocês nesta ocasião para compartilhar com vocês uns momentos de companheirismo ao redor da Palavra de Deus e Seu Programa correspondente a este Último Dia; e estaremos falando sob o tema “O LIVRO ABERTO NO CÉU”, ou seja: o Livro dos Sete Selos. Para o qual vamos ler em Apocalipse, capítulo 5, versículos 1 em diante, onde diz:

         “E vi na destra do que estava assentado sobre o trono um livro escrito por dentro e por fora, selado com sete selos.

         E vi um anjo forte, bradando com grande voz: Quem é digno de abrir o livro e de desatar os seus selos?

E ninguém no céu, nem na terra, nem debaixo da terra, podia abrir o livro, nem olhar para ele.

E eu chorava muito, porque ninguém fora achado digno de abrir o livro, nem de o ler, nem de olhar para ele.

E disse-me um dos anciãos: Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, que venceu para abrir o livro e desatar os seus sete selos.

E olhei, e eis que estava no meio do trono e dos quatro animais viventes e entre os anciãos um Cordeiro, como havendo sido morto, e tinha sete pontas e sete olhos, que são os sete Espíritos de Deus enviados a toda a terra.

E veio e tomou o livro da destra do que estava assentado no trono.

E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos.

         E cantavam um novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro e de abrir os seus selos, porque foste morto e com o teu sangue compraste para Deus homens de toda tribo, e língua, e povo, e nação;

         E para o nosso Deus os fizeste reis e sacerdotes; e eles reinarão sobre a terra.

         E olhei e ouvi a voz de muitos anjos ao redor do trono, e dos animais, e dos anciãos; e era o número deles milhões de milhões e milhares de milhares,

         Que com grande voz diziam: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber o poder, e riquezas, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e ações de graças.

E ouvi a toda criatura que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que está no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono e ao Cordeiro sejam dadas ações de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre.

         E os quatro animais diziam: Amém! E os vinte e quatro anciãos prostraram-se e adoraram ao que vive para todo o sempre.”

         Que Deus abençoe nossas almas com Sua Palavra e nos permita entendê-la.

         Este Livro selado com sete selos, o qual se encontra na destra de Deus no Céu, se encontra naquele que está sentado no Trono, que é Deus.

         E agora, neste livro de Apocalipse, capítulo 5, versículo 1 em diante, pede-se que uma pessoa que seja digna tome esse Livro - se apresente e tome esse Livro; e não se achou nenhum digno nem no Céu nem na Terra nem debaixo da Terra; e ali estavam os vinte e quatro anciãos (que são os doze patriarcas e os doze apóstolos), ali estavam os profetas de Deus, ali estavam também os arcanjos. E não são dignas essas pessoas? Claro que sim; mas todos tinham vindo por meio da união de um homem e de uma mulher, portanto não eram dignos para tomar esse Livro e abrir esses Selos. Tinha que ser uma pessoa que tivesse vindo por meio de criação divina; e Adão tinha vindo por meio de criação divina, mas tinha caído e, consequentemente, já não era digno de tomar esse Livro.

         Este Livro é o Título de Propriedade dos Céus e da Terra; é também conhecido como o Livro da Vida do Cordeiro, é também conhecido como a Bíblia; e este Livro contém os nomes de todos os que Deus predestinou desde antes da fundação do mundo.

         Agora, o conteúdo deste Livro… vejam vocês que quando é aberto este Livro, encontramos que estes Selos já estão cumpridos. E agora, vejam vocês, já há história sobre o conteúdo desses Selos.

         Agora, para Cristo tomar esse Livro e abrir esses Selos, os nomes de todos os escolhidos de Deus — que têm seus nomes escritos no Céu, no Livro da Vida do Cordeiro — têm que já terem sido manifestados na Terra em carne humana, têm que estar manifestados todos os filhos e filhas de Deus, todos os membros do Corpo Místico de Cristo; e também os 144.000 hebreus, que têm seus nomes também escritos aí, no Livro da Redenção.

         E esse Livro, que contém os nomes de todos os escolhidos de Deus, vejam vocês, vai sendo manifestado, cumprido de etapa em etapa, de era em era; mesmo que o Livro está selado, fechado no Céu, mas vai sendo cumprido o conteúdo desse Livro.

         Se vocês buscarem no Livro Os Selos, quando é aberto no Céu vocês encontrarão também… encontram aí a história dos escolhidos de Deus, encontram a história do cristianismo; e aí encontram também como os filhos e filhas de Deus, os membros do Corpo Místico de Cristo — que têm seus nomes escritos no Livro da Vida do Cordeiro —, tiveram que passar por diferentes etapas de perseguições; e é mostrada a perseguição pela qual passaram os filhos e filhas de Deus durante as diferentes etapas, e como foi que o diabo, o inimigo de Deus, se manifestou por meio de pessoas através das quais o diabo atuou contra os filhos de Deus.

         E agora podemos ver aí, na abertura do Livro dos Selos, podemos ver a abertura do Livro dos Selos quanto ao cumprimento do conteúdo desses Selos. E em seguida, através da revelação divina que vem para os escolhidos de Deus, encontramos a história dos filhos e filhas de Deus passando por suas diferentes eras; encontramos a história dos primogênitos de Deus, escritos no Céu desde antes da fundação do mundo; encontramos a história da Igreja do Senhor Jesus Cristo, que tem os primogênitos de Deus, os quais nascem no Reino de Deus por meio de crer em Cristo como seu Salvador, lavar seus pecados no Sangue de Cristo e receber Seu Espírito Santo, e assim recebem o novo nascimento; e assim é como se obtém o corpo teofânico da sexta dimensão, chamado o Anjo do Senhor que acampa ao redor dos que os temem e os defende.

         E agora podemos ver como do Primeiro Selo em diante encontramos a história da Igreja de Jesus Cristo, desde os tempos de Jesus Cristo e do nascimento da Igreja lá no Dia do Pentecostes; e vejam vocês como a história do conteúdo desses Selos vai sendo efetuada de etapa em etapa, de era em era, durante todas estas etapas da Igreja de Jesus Cristo, desde seu nascimento até o tempo final, onde os últimos escolhidos de Deus são chamados e juntados na Era da Pedra Angular.

         Recordem que para o tempo final, para a vinda do esposo, todas as virgens tinham cambaleado e dormiram; e quanto à Igreja de Jesus Cristo (ao cristianismo completo, com as prudentes e as fátuas), encontramos que já para o tempo da Sua Vinda já transcorreram as sete etapas ou eras da Igreja gentia e terminaram, e vem o chamado para despertar, onde são chamadas a despertar todas as virgens porque chegou o tempo da Vinda do Esposo; e esse é o chamado de Apocalipse e também de Isaías, capítulo 60, onde diz (vejamos)… Diz-nos Isaías, capítulo 60, versículo 1 em diante:

         “levanta-te, resplandece, porque já vem a tua luz …”

         Isso é a Segunda Vinda de Cristo.

         Na Primeira Vinda de Cristo também se cumpriu esta Escritura, e se cumpre na Sua Segunda Vinda; como também Isaías, capítulo 61, se cumpriu lá, e em seguida aqui se cumpre também neste tempo final.

         E a parte que Jesus deixou sem ler, onde diz: “… e pregar o ano de vingança nosso Deus”, ou seja: “o dia de vingança nosso Deus”, o qual Jesus não leu, para este tempo final essa parte será cumprida por meio do Ungido de Deus, do Ungido com o Espírito Santo no Último Dia, que estará proclamando o dia de vingança do nosso Deus; será ungido com o Espírito de Deus, com o Anjo do Pacto, que é Jesus Cristo em Espírito Santo.

         E agora vejam esta passagem: “Levanta-te, resplandece; porque veio sua luz, e a glória do Senhor nasceu sobre ti”, esta passagem nos fala da Vinda do Senhor, que é nossa Luz.

         Ele foi a Luz em Sua Primeira Vinda; Ele disse: “Eu sou a Luz do mundo; quem me segue, não andará em trevas, mas terá a Luz da Vida”. E em Sua Segunda Vinda Ele continua sendo a Luz do mundo.

         Por isso em São Mateus, capítulo 17, no Monte da Transfiguração, onde está mostrando a Vinda do Filho do Homem com Seus Anjos vindo no Reino de Deus, Seu rosto resplandeceu como o sol; porque Ele é a Luz do mundo, Ele é o Sol de Justiça; e vem com Seus Anjos, que são os ministérios de Moisés e Elias, para cumprir Sua promessa de Malaquias, capítulo 4, versículo 2, onde diz:

         “Mas para vós que temeis o meu nome nascerá o sol da justiça e salvação trará debaixo das suas asas…”

         Suas asas são os ministérios de Moisés e Elias e o Sol é a Vinda de Cristo, Cristo em Sua Segunda Vinda como Rei dos reis e Senhor dos senhores em Sua Obra de Reclamação.

         E agora, vejam, por isso também São Paulo, usando esta passagem de Isaías 60, versículo 1 em diante, usando essa passagem falou em Efésios, capítulo 5, versículo 14, dizendo:

         “Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá.”

         E agora, para o Último Dia todas as sete eras já dormiram e agora vem o chamado para despertar.

         E agora, como virá esse despertamento de Deus para os filhos e filhas de Deus? Um despertamento é um avivamento. As sete etapas ou eras da Igreja gentia já morreram espiritualmente, suas etapas morreram; essas eras já não têm avivamentos; os escolhidos que tinham recebido o avivamento no tempo em que viveram, já partiram e estão no Paraíso; e se restam alguns da sétima era da Igreja gentia, não estão em um avivamento, por quê? Porque já o avivamento terminou na sétima etapa ou era e já não há avivamento para os que estiverem na sétima era da Igreja gentia.

         E não somente isso. Vejamos algo aqui muito importante. No livro As Eras, página 390, olhem o que diz aqui o precursor da Segunda Vinda de Cristo, o qual nasceu, viveu e teve seu ministério na América do Norte; olhem o que diz aqui; algo muito tremendo (vejamos)… Falando da Era de Laodicéia, diz:

         “105. ‘São pobres’. Desde pronto, isso quer dizer pobres espiritualmente. O sinal desta era, quando (tenha terminado), é de Igrejas grandes e mais cômodas, com mais gente e com mais manifestações do que se supõe que são demonstrações do Espírito Santo; mas estes altares cheios de gente, os dons do Espírito em operação, com assistência tão numerosa e todas estas demais coisas (diz aqui), não são de Deus (ou seja: não quer dizer que são de Deus); porque aqueles que vêm ao altar, dificilmente ficam para continuar com Deus, e quando terminaram a campanha (está falando das grandes campanhas evangelísticas), onde estão todos aqueles que encheram os corredores para chegar ao altar? Ouviram um homem (ou seja: escutaram a um homem), escutaram uma oração, entraram na rede, mas não eram peixes; porque sendo como a tartaruga, arrastaram-se de novo as suas próprias águas.

         106. Em seguida há tudo isto que foi dito a sobre as línguas, que se supõe que é a evidência do Batismo do Espírito Santo, e as pessoas creem que estamos em um grande avivamento. O avivamento terminou. A América do Norte teve sua última oportunidade em 1957. Agora, as línguas são o sinal de Deus de um desastre iminente, assim como foram quando apareceram sobre a parede na festa de Belsasar.”

         A América do Norte já teve sua última oportunidade em mil e novecentos o que? Cinquenta e sete (1957).

         E agora, vamos ver o que nos diz na página 212 do livro Os Selos em espanhol, vejamos o que encontramos aqui; a sobre os avivamentos diz:

         “104. E essa é a mesma razão por que os avivamentos que devemos ter hoje… Agora, tivemos avivamentos denominacionais, mas não tivemos uma verdadeira sacudida. Não, não Senhor. Não pense que temos avivamentos, porque não os temos. Há milhões e milhões de membros de Igrejas, mas não há nada de avivamento. A Noiva ainda não teve um avivamento; ainda não houve ali nenhum avivamento, nenhuma manifestação de Deus para sacudir à Noiva. Estamos esperando isso. Serão necessários esses Sete Trovões misteriosos para despertá-la. Ele os mandará, o prometeu.”

         O que é o que despertará a um avivamento verdadeiro à Igreja-Noiva de Jesus Cristo? Os sete trovões de Apocalipse, capítulo 10. Isso é o que despertará às virgens prudentes, à Noiva de Jesus Cristo, para entrar com Cristo (onde?) às Bodas; e em seguida a porta se fechará.

         E onde é que desperta a Igreja de Jesus Cristo no Último Dia, para entrar com Ele às Bodas? Por quanto as sete etapas ou eras da Igreja gentia já dormiram, terminaram, tem que despertar onde? Vamos ver. Pela lógica, quando você desperta todos os dias? Pela manhã. Tem que haver uma manhã prometida na Escritura e, consequentemente, essa é a quarta vigília, onde a Vinda do Filho do Homem é manifestada.

         Vejam vocês como nos diz o próprio Senhor Jesus Cristo falando; vejamos em São Marcos o que nos diz; versículos… Capítulo 13, versículos 34 em diante, diz:

         “É como se um homem, partindo para fora da terra, deixasse a sua casa, e desse autoridade aos seus servos, e a cada um, a sua obra, e mandasse ao porteiro que vigiasse.

Vigiai, pois (Velar o que? Velar por quê? Pela Segunda Vinda de Cristo), porque não sabeis quando virá o senhor da casa...”

         De que casa? A Casa de Deus, que é a Igreja de Jesus Cristo, sobre a qual Cristo foi colocado como Filho sobre Sua Casa; e Ele colocou sobre Sua Casa servos fiéis e prudentes para que deem o Alimento a tempo em cada era aos filhos e filhas de Deus que vêm ao Corpo Místico de Cristo, que nascem no Corpo Místico de Cristo.

         “Vigiai, pois, porque não sabeis quando virá o senhor da casa; se à tarde, se à meia-noite, se ao cantar do galo, se pela manhã.”

         “Ao anoitecer” temos a primeira ou as primeiras eras da Igreja, em seguida “à meia-noite” já temos as etapas do obscurantismo, em seguida “ao canto do galo” já temos as etapas de Lutero, Wesley e William Branham, principalmente a fase final.

         Mas vejam vocês, cada vigília tem 3 horas, e aí temos, para o tempo do canto do galo temos: Lutero, Wesley e William Branham; aí temos as 3 horas da terceira vigília. E correspondeu ao nosso irmão Branham a última hora da terceira vigília, que foi de 5 a 6 da manhã.

         Por isso ele esteve olhando a Luz do leste, que é a Luz que traz Cristo em Sua Segunda Vinda, à qual é a Luz do Sol de Justiça nascendo e nos dando… iluminando-nos, nos dando Luz neste tempo final; a mesma Luz que o povo hebreu receberá.

         Vejam vocês, quando o sol nasce pela manhã, pelo oriente (lá pelo Japão e em seguida por Israel), essa luz que sai lá onde estava antes de estar lá? Estava no ocidente, no continente americano; aí estava primeiro, e em seguida viajou para lá.

         E a Luz que dois mil anos atrás estava na terra de Israel (lá no leste), a Luz da Primeira Vinda de Cristo, viajou do leste rumo ao oeste, passando pela Ásia Menor, Europa, América do Norte e a América Latina e o Caribe; e em seguida para tornar-se lá, torna-se como a Luz de um novo dia para o povo hebreu.

         Recordem que à tarde, quando se chega à hora do pôr do sol, a luz que há desse momento em diante corresponde a um novo dia.

         Por isso para o povo hebreu os dias terminam à tarde e começa o novo dia aí também na tarde; e por isso ao tempo da tarde há luz, luz para um novo dia dispensacional, assim como há luz na tarde para o novo dia que está começando. E agora, assim é de era em era também, de um dia de era ao outro dia de outra era; e assim é também com os anos: a luz de um novo ano começa (onde?) à tarde, onde termina a luz do ano que chegou ao seu final.

         E agora, vejam vocês como Lutero veio na primeira hora da terceira vigília, Wesley na segunda hora da terceira vigília e em seguida nosso irmão Branham a… Lutero na primeira hora da terceira vigília, Wesley na segunda hora da terceira vigília e nosso irmão Branham na terceira hora da terceira vigília, na hora do canto do galo. Mesmo que os galos cantem durante a noite em algumas - em diferentes horários, mas de 3 da manhã em diante vocês encontrarão que se escuta mais o cântico dos galos; e quando já se chega à última hora, de 5 a 6 da manhã, vocês encontram os galos cantando.

         Recordem também quando Jesus disse: “Não cantará o galo três vezes, sem que tu tenhas me negado, Pedro?” Assim Pedro deve saber muito do que é o canto do galo, pelo que Cristo está falando aqui.

         Agora, o canto do galo, vejam vocês, corresponde a esta terceira vigília, e nosso irmão Branham viveu nessa etapa do canto do galo; mas, se não foi nem na primeira, segunda ou terceira vigília, então por eliminação temos que saber que é na quarta vigília a Segunda Vinda de Cristo; pois assim está profetizado também quando diz Malaquias no capítulo 4, versículo 2:

         “Mas para vós que temeis o meu nome nascerá o sol da justiça e salvação trará debaixo das suas asas…”

         Quando nasce o sol? Pois nasce na quarta vigília. Isto é nos países onde começam o dia às 6 da manhã, já o dia com luz (ou seja: quando amanhece às 6 da manhã); há países, pois, que adiantam ou atrasam o horário, depende se é no verão ou no inverno. Mas quanto ao Programa de Deus, se coloca às 6 da manhã como o começo da quarta vigília; e a quarta vigília tem 3 horas, como as outras vigílias anteriores também têm 3 horas; e a quarta vigília é das 6 às 9 da manhã.

         Cristo ressuscitou, o Sol de Justiça se levantou vitorioso na quarta vigília, ou seja: na manhã do Domingo de Ressurreição; ou seja: em um novo dia de uma nova semana, nesse novo dia dessa nova semana se levantou Cristo vitorioso.

         E agora, vejam vocês, tivemos esta semana de sete dias de eras sob a Dispensação da Graça; e agora, a Era da Pedra Angular é um novo dia, por isso é o oitavo dia; mas não há tal coisa como oitavo dia na semana. O oitavo dia é o dia de domingo e o dia de domingo é o primeiro dia da semana; mas podemos dizer também que é o dia oitavo, porque na Escritura também fala do dia oitavo, onde o feixe era movido diante a presença de Deus, o feixe dos primeiros frutos.

         E agora, vejam vocês, Cristo ressuscitou no primeiro dia da semana, que também é o oitavo dia.

         Cristo ressuscitou (quando?) na manhã; portanto, os mortos em Cristo ressuscitarão na manhã do Último Dia, ou seja: nos primeiros anos do sétimo milênio; e os primeiros anos são 125 anos, que correspondem a uma vigília. Nesses 125 anos do sétimo milênio, em algum momento os mortos em Cristo ressuscitarão em corpos eternos e nós os que vivemos seremos transformados. Isso está representado na ressurreição de Cristo na quarta vigília.

         Cristo também, quando caminhou sobre as águas do mar embravecido, onde a barca dos discípulos estava em perigo, vejam vocês, foi também na quarta vigília.

         Quando encontramos que ressuscitou Lázaro, o ressuscitou no quarto dia, ou seja: no quarto dia de haver morrido, Cristo ressuscitou Lázaro. Marta lhe disse: “Já fede porque já é o quarto dia, já tem quatro dias”; mas vejam vocês, no quarto dia foi a ressurreição.

         Agora, tivemos também a Era Luterana como o primeiro dia, a Era Wesleyana como segundo dia, a Era Pentecostal como terceiro dia, e agora a Era da Pedra Angular como quarto dia. Esse é o quarto dia aí, no Programa da Restauração, para a ressurreição dos mortos em Cristo e a transformação de nós os que vivemos; é para obter o corpo eterno todos os que têm seus nomes escritos no Livro da Vida do Cordeiro; têm seus nomes escritos neste Livro que está na destra de Deus selado com sete selos, o qual Cristo toma, o abre no Céu e em seguida o traz para a Terra.

         Cristo depois de ter todos os escolhidos, já tendo sido manifestados na Terra em carne humana no tempo que lhes corresponderia viver, depois que isso tiver ocorrido Cristo termina Sua Obra de Intercessão e toma o Livro, o abre no Céu e faz Sua reclamação de tudo o que Ele redimiu com Seu Sangue.

         Mas recordem que antes têm que ser manifestadas as pessoas, os nomes…, as pessoas que têm seus nomes escritos aí, nesse Livro, nesse Livro dos Sete Selos, que é o Livro da Vida do Cordeiro e que também é a Bíblia.

         Por isso é que o conteúdo desse Livro; vejam vocês, veio a ser o conteúdo da Bíblia; o que esse Livro fala dos Sete Selos vocês o encontram na Bíblia.

         E agora, vejam como também o Arcanjo Gabriel diz ao profeta Daniel… vejamos em que capítulo fala ao profeta Daniel sobre desse Livro. No capítulo 12 diz que os que têm seus nomes escritos no Livro, diz que serão ressuscitados. Daniel, capítulo 12, versículo 1 em diante, diz:

         “E, naquele tempo, se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta pelos filhos do teu povo (ou seja: da parte do povo hebreu); e haverá um tempo de angústia, a qual nunca houve desde que houve nação até àquele tempo; mas, naquele tempo, livrar-se-á o teu povo, todo aquele que se achar escrito no livro.

         E muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna (esses são tanto os escolhidos de Deus do povo hebreu como os escolhidos de Deus dentre os gentios, os quais ressuscitam antes da grande tribulação)…”

         E agora, podemos ver também no livro de Daniel; vamos ver outra passagem onde Deus fala por meio do Arcanjo Gabriel, vamos buscar o lugar; é no capítulo 10, versículo 21. Diz-lhe:

         “Mas eu te declararei o que está escrito na escritura da verdade; e ninguém há que se esforce comigo contra aqueles, a não ser Miguel, vosso príncipe.”

         Agora vejam, no Livro da Verdade está tudo o que o Arcanjo Gabriel revelou ao profeta Daniel.

         E agora no livro de Apocalipse encontramos as mesmas coisas sendo reveladas pelo Anjo do Senhor Jesus Cristo ao apóstolo São João. Por quê? De onde as traz o Anjo do Senhor Jesus Cristo? Do Livro da Verdade.

         E agora podemos ver que há um livro, o Livro da Verdade, o Livro da Vida do Cordeiro, o Livro dos Sete Selos, de onde vem toda a revelação divina da parte de Deus. Também temos um livro chamado Livro de Memórias, onde estão todas as coisas que as pessoas fazem aqui na Terra.

         Temos a seção do Livro da Vida e temos outra seção chamada o Livro da Vida do Cordeiro. Na seção do Livro da Vida é que estão os nomes de todos os seres humanos que nascem neste planeta Terra; mesmo que haja pessoas que não têm seus nomes escritos no Livro da Vida, nessa seção, e tampouco na seção chamada o Livro da Vida do Cordeiro.

         Disso fala o livro de Apocalipse, no capítulo 13, versículo 8, fala dessas pessoas que não têm seus nomes escritos ali, que são as pessoas que estarão adorando à besta e a sua imagem. Diz capítulo 13, versículo 8, de Apocalipse:

         “E a adoraram…”

         A quem adoraram? À besta, adoraram ao dragão. Agora, diz… vamos ler um pouquinho antes, para que tenhamos o quadro completo. Desde o versículo 1 do capítulo 13 de Apocalipse diz:

         “E eu pus-me sobre a areia do mar e vi subir do mar uma besta que tinha sete cabeças e dez chifres, e, sobre os chifres, dez diademas, e, sobre as cabeças, um nome de blasfêmia (ou “nomes de blasfêmia” dizem outras versões, outras traduções da Bíblia).

         E a besta que vi era semelhante ao leopardo, e os seus pés, como os de urso, e a sua boca, como a de leão; e o dragão deu-lhe o seu poder, e o seu trono, e grande poderio.

         E vi uma de suas cabeças como ferida de morte, e a sua chaga mortal foi curada; e toda a terra se maravilhou após a besta.

         E adoraram o dragão que deu à besta o seu poder; e adoraram a besta, dizendo: Quem é semelhante à besta? Quem poderá batalhar contra ela?

         E foi-lhe dada uma boca para proferir grandes coisas e blasfêmias; e deu-se-lhe poder para continuar por quarenta e dois meses (essa é a grande tribulação, os 42 meses).

         E abriu a boca em blasfêmias contra Deus, para blasfemar do seu nome, e do seu tabernáculo, e dos que habitam no céu.

         E foi-lhe permitido fazer guerra aos santos e vencê-los; e deu-se-lhe poder sobre toda tribo, e língua, e nação.

         E adoraram-na todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo”.

         E agora, no capítulo 17, versículo 8, também nos fala de pessoas que não têm seus nomes escritos no Livro da Vida, e diz:

         “A besta que viste foi e já não é, e há de subir do abismo, e irá à perdição. E os que habitam na terra (cujos nomes não estão escritos no livro da vida, desde a fundação do mundo) se admirarão vendo a besta que era e já não é, mas que virá”.

         Agora podem ver aqui que há pessoas que não têm seus nomes escritos no Livro da Vida. Há outras que têm seus nomes escritos no Livro da Vida; não na seção do Livro da Vida do Cordeiro, mas na seção do Livro da Vida, onde é escrito o nome das pessoas que nascem nesta Terra; e essas pessoas podem ser apagadas do Livro da Vida, dessa seção do Livro da Vida. Por isso fala na Escritura sobre de apagar o nome do Livro da Vida.

         Isso, vamos ver onde fala de que o nome pode ser apagado, o nome de alguma pessoa. Apocalipse, capítulo 3, versículo 5, vejamos o que diz aí; diz:

         “O que vencer será vestido de vestes brancas, e de maneira nenhuma riscarei o seu nome do livro da vida; e confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos.”

         E em Apocalipse, capítulo 20, versículo 12, diz:

         “E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante do trono, e abriram-se os livros. E abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.

         E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados, cada um, segundo as suas obras.

         E a morte e o inferno (ou seja: a morte e o inferno) foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte.

         E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.”

         Encontramos na parábola do rei julgando as nações, em São Mateus, capítulo 25, que Cristo colocará à Sua direita os cordeiros e à esquerda os cabritos; e mandará os cabritos ao inferno, ao fogo, e às ovelhas as colocará no Reino de Deus, preparado desde antes da fundação do mundo para as ovelhas, para os que têm seus nomes escritos na seção do Livro da Vida e não são apagados seus nomes; e também para os que têm seus nomes escritos na seção do Livro da Vida do Cordeiro, que são os primogênitos de Deus, escritos no Céu desde antes da fundação do mundo.

         Em Apocalipse, capítulo 22, versículo 19, diz (18 e 19 diz):

         “Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro;

         E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida e da Cidade Santa, que estão escritas neste livro.”

         Vimos que há pessoas que não têm seus nomes escritos no Livro da Vida do Cordeiro nem na outra seção do Livro da Vida.

         Há outros que têm seus nomes escritos na seção do Livro da Vida, mas podem ser apagados os seus nomes se forem pessoas que perseguem a Igreja do Senhor Jesus Cristo ou o povo hebreu.

         E há outros que têm seus nomes escritos nessa seção, os quais não são apagados porque são pessoas que se puseram do lado da Igreja de Jesus Cristo e em alguma forma a ajudaram; e aí temos também ao grupo das virgens fátuas, que foram de ajuda e bênção através das diferentes eras da Igreja do Senhor.

         O cristianismo tem as virgens prudentes e as virgens fátuas.

         A parte do cristianismo que é representado nas virgens fátuas é o cristianismo que não recebeu o Espírito Santo e, consequentemente, não nasceu de novo; e são mencionadas como as virgens fátuas porque não tomaram azeite nas Suas lâmpadas (as virgens fátuas); e o azeite representa o Espírito Santo. E por quanto as virgens fátuas não tomaram o Espírito Santo para assim obter o novo nascimento, mas que somente foram cristãos professantes…; professaram a Cristo como seu Salvador, mas não obtiveram o novo nascimento porque não receberam o Espírito Santo.

         E agora, vejam vocês, essas pessoas trabalharam na Obra de Cristo através das eras, e foram de bênção para os escolhidos que têm seus nomes na seção do Livro da Vida do Cordeiro e que no tempo que lhes correspondeu viver obtiveram o novo nascimento.

         Agora, recordem, essas pessoas recebem uma bênção da parte de Deus no Juízo Final. No tempo final, o inimigo as perseguirá durante a grande tribulação e as matará, mas ressuscitarão depois do Reino Milenial e entrarão à vida eterna; porque as coisas que fizeram a favor de Cristo e Sua Obra e a favor da Sua Igreja, tudo está escrito no Livro da Vida; e aí há um Livro também chamado o Livro de Memórias, onde estão as obras das pessoas.

         Agora, temos também os primogênitos de Deus, os escolhidos de Deus, que esse é o grupo que tem seu nome escrito no Livro da Vida do Cordeiro desde antes da fundação do mundo, dos quais Cristo disse que são as ovelhas que o Pai lhe deu e das quais diz que ninguém as pode arrebatar da Sua mão, das quais também disse: “Minhas ovelhas ouvem minha voz, e me seguem”.

         Ele disse: “Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco, as quais me convém agregá-las também”. São os escolhidos, os primogênitos dentre os gentios, os quais seriam chamados e juntados através das diferentes eras da Igreja, por meio da manifestação de Jesus Cristo em Espírito Santo através dos diferentes mensageiros de cada era.

         E neste Último Dia é que são chamados e juntados os últimos escolhidos de Deus, as últimas ovelhas do Aprisco do Senhor. E são colocadas onde? No Aprisco do Senhor, que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo. Em que parte do Aprisco? Na Era da Pedra Angular, que é a era mais importante de todas as eras.

         Na página 379 e 380 do livro As Eras diz o precursor da Segunda Vinda de Cristo, o reverendo William Branham, diz (falando sobre a Igreja): “Mas me apropriaste corpo”…

         Isso está em Primeira aos Coríntios, capítulo 15, versículo 45, nos fala de que Jesus é o segundo Adão; e em seguida diz:

         “[67]. Dele foi dito: ‘Mas me apropriaste corpo’. Deus proveu aquele corpo (ou seja: o corpo que nasceu da virgem Maria); Maria não o proveu. Maria foi a incubadora humana que carregou aquele Ser Santo e o trouxe ao nascimento. Foi Deus-homem, tanto Deus como homem. Ele foi o Filho de Deus. Foi também da NOVA criação. Deus e o homem se encontraram e se juntaram; Ele foi o primeiro Ser desta nova criação. Ele encabeça esta nova raça.

         ‘E ele é a cabeça do corpo da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência.’

         ‘Colossenses 1:18

         ‘Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.’

         Coríntios 5:17

         Aqui podemos ver que mesmo o homem fosse da criação antiga; agora em união com Cristo, se tornou a nova criação de Deus.

         ‘Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.’

         Efésios 2:10

         ‘e vos revistais do novo homem, que, segundo Deus, é criado em verdadeira justiça e santidade.’

         Efésios 4:24

         68. Esta nova criação não é a criação velha feita de novo (esta nova criação é uma Nova Criação; não é a criação velha feita de novo, mas que é uma Nova Criação); se fosse assim (ou seja: se fosse a velha criação), então não se poderia dizer que é a criação nova. A ‘nova criação’ é exatamente o que é. É outra criação, distinta e separada da antiga. Já não está atuando por meios carnais. Assim foi como atuou com Israel (ou seja: por meios carnais). Ele escolheu a Abraão e também da semente de Abraão através da linha piedosa de Isaque. Mas agora Ele decretou uma nova criação, de todo parentesco, tribo e nação. Ele é o primeiro desta criação.”

         E dentre todas as nações Ele está chamando e juntando um povo para Seu Nome, ou seja: uma Nova Criação; porque quando a pessoa escuta a pregação do Evangelho e crê em Cristo como seu Salvador e lava seus pecados no Sangue de Cristo e recebe o Espírito de Cristo, nasceu de novo e pertence a uma Nova Criação, da qual Cristo é a cabeça, é o primeiro.

         “Mas agora Ele decretou uma criação nova, de todo parentesco, tribo e nação (ou seja: de todo povo, língua e nação). Ele é o primeiro desta criação. Ele foi Deus criado na forma de homem. Agora, por meio do Seu Espírito está criando muitos Filhos para Si mesmo.”

         Veem? Por meio do Seu Espírito, ao receber o Espírito de Cristo, aí obtemos o novo nascimento nessa Nova Criação e viemos fazer parte dessa Nova Criação; e por isso é que obtemos um corpo teofânico da sexta dimensão, que pertence à Nova Criação; obteve um corpo da sexta dimensão, criado por Deus, por Cristo.

         “Esta é a revelação verdadeira de Deus. Este foi Seu propósito. Este propósito tomou forma por meio da eleição. Por isso é que Ele podia ver até a última era, quando tudo seria terminado, e ver a Si mesmo ainda no meio da Igreja como o Autor desta nova criação de Deus. Seu poder soberano o trouxe ao cumprimento. Por Seu próprio decreto elegeu os membros desta nova criação.

         Ou seja: que uma pessoa não pode dizer: “Eu quero ser um membro dessa Nova Criação”, Deus já elegeu quem seriam os membros dessa Nova Criação, que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo; e colocou seus nomes (onde?) no Livro da Vida do Cordeiro, que contém os nomes dos membros dessa Nova Criação:

         “Por Seu próprio decreto elegeu os membros desta nova criação. Ele os predestinou para serem adotados filhos segundo o puro afeto da Sua vontade. Ele o trouxe ao cumprimento por meio da Sua onisciência e Sua onipotência. Se Ele tivesse garantido este detalhe, de que outra maneira poderia saber que estaria em meio da Igreja recebendo glória dos Seus irmãos? Ele sabia todas as coisas e operou todas as coisas segundo o que sabia para que se cumprisse Seu propósito e Seu puro afeto.

         ‘N’Ele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade.’

         Efésios 1:11.”

         Aqui temos a revelação de que os que pertencem à Igreja de Jesus Cristo — os quais de era em era estiveram nascendo no Corpo Místico de Cristo por meio de crer em Cristo como seu Salvador e lavar seus pecados no Sangue de Cristo e receber Seu Espírito Santo — já foram predestinados desde antes da fundação do mundo para fazer parte da Igreja de Jesus Cristo. Diz:

         “69. Aleluia! Você não está contente porque pertence ao Senhor?” (Amém).

         Agora vejam que não estamos por mera casualidade nesta Terra, e não foi por mera casualidade que recebemos a Cristo como nosso Salvador: estávamos predestinados, ordenados por Deus, eleitos por Deus, para ser parte desse Corpo Místico de crentes, chamado a Igreja de Jesus Cristo.

         Fomos ordenados por Deus, predestinados por Deus, eleitos por Deus, desde antes da fundação do mundo; e Ele colocou nosso nome no Livro da Vida do Cordeiro, nessa seção onde estão os nomes dos eleitos de Deus que formariam a Igreja do Senhor Jesus Cristo.

         E agora, nesse Livro selado com sete selos estão nossos nomes escritos. E quando for manifestada nesta Terra em carne humana a última pessoa que tem seu nome escrito ali, Cristo terminará fazendo intercessão por essa pessoa e em seguida poderá sair do Trono de Intercessão para reclamar tudo o que Ele redimiu com Seu Sangue precioso; Ele poderá então tomar o Livro selado com sete selos e abri-lo no Céu e fazer Sua reclamação, e aqui na Terra então ressuscitar os mortos em Cristo e transformar os escolhidos que estão vivendo neste tempo final.

         Cristo ainda se encontra no Trono de Intercessão fazendo intercessão por seus últimos escolhidos que estão entrando em Seu Corpo Místico de crentes na Era da Pedra Angular; porque é a única era que está vigente diante de Deus e está recebendo os filhos e filhas de Deus deste tempo final. E estão sendo chamados e juntados todos os escolhidos de Deus conforme a profecia de Jesus Cristo que disse: “E enviará seus anjos, e juntarão os seus escolhidos, de um extremo do céu até o outro.”

         É o chamado dos escolhidos de Deus com essa Grande Voz de Trombeta ou Trombeta Final, que é a Voz de Cristo por meio do Seu Anjo Mensageiro no Último Dia, chamando e juntando Seus escolhidos com essa Mensagem da Grande Voz de Trombeta do Evangelho do Reino, que gira ao redor da Segunda Vinda de Cristo como o Leão da tribo de Judá, como Rei dos reis e Senhor dos senhores em Sua Obra de Reclamação.

         Agora, encontramos que o Sétimo Selo (o Sétimo Selo, que é a Vinda do Senhor)… Vejam vocês, antes desse Selo ser aberto no Céu e antes do Livro dos Sete Selos ser tomado por Cristo e ser aberto no Céu, esse Sétimo Selo tem que ser cumprido aqui na Terra; ou seja: tem que estar na etapa que lhe corresponde aqui na Terra, para depois disso Cristo deixar o Trono de Intercessão e vir manifestado em seguida no instrumento ou véu de carne onde estiver a Palavra encarnada no Último Dia; porque aí se estará cumprindo o Sétimo Selo, aí estará o Anjo que era diferente dos demais, que apareceu nesta nuvem (este Anjo que apareceu nesta nuvem), o qual é o Anjo que tem o Sétimo Selo, conforme ao que disse o precursor da Segunda Vinda de Cristo na página 469 do livro Os Selos em espanhol, onde disse:

         “153. E notaram que disse que um desses anjos era muito diferente? Pareceu-me muito diferente aos demais. Estavam em uma constelação com três a cada lado e um acima; e o que estava ao meu lado, contando da esquerda para a direita, esse seria o sétimo Anjo. Ele era mais brilhante e significava mais para mim que os demais. Disse-lhes que tinha o peito assim robusto e estava voando para o Oriente. Disse-lhes também que: ‘Me levantou, me elevou’. Se lembram?

         154. Agora, aqui está! Era quem tinha o Sétimo Selo, o qual mantive como uma pergunta em minha mente toda minha vida. Os outros Selos significaram muito para mim, desde pronto; mas vocês não imaginam o que significou este sétimo.”

         Agora, quem é que tem o Sétimo Selo? O Anjo que era diferente aos demais. E para o Sétimo Selo ser manifestado na Terra, ser cumprido na Terra…

         Assim como para ser manifestado o ministério de cada anjo mensageiro de cada era na Terra, teve que vir cada anjo mensageiro que se encontra aqui, nesta nuvem, em Seu corpo teofânico, teve que vir em carne humana e ter seu ministério na era na qual Cristo o enviou…; e por meio desse ministério e esse mensageiro, Cristo esteve falando ao Seu povo e chamando e juntando seus escolhidos.

         E para o Último Dia, o ministério que corresponde à Era da Pedra Angular que é o ministério do Anjo que era diferente dos demais, sendo manifestado em carne humana e através de carne humana através do Anjo do Senhor Jesus Cristo; e aí estará o Sétimo Selo sendo cumprido na Terra; e estará passando por suas diferentes fases ou etapas até que se complete o número dos escolhidos de Deus.

         Porque o Sétimo Selo, que é a Vinda do Anjo que era diferente dos demais em carne humana, isso é a Vinda da Palavra em carne humana, isso é a Vinda do Cavaleiro do cavalo branco de Apocalipse 19, vindo em carne humana no Último Dia, vindo em Seu Anjo Mensageiro no Último Dia.

         Por isso o precursor da Segunda Vinda de Cristo disse, citando Apocalipse 19 disse:

         “121. Mas quando nosso Senhor aparecer sobre a Terra, Ele virá sobre um cavalo branco como a neve, e será completamente Emanuel — a Palavra de Deus encarnada em um homem.”

         Isso é a Vinda do Cavaleiro do cavalo branco de Apocalipse 19: a Palavra de Deus encarnada em um homem; isso é a Vinda do Anjo que era diferente dos demais, vindo em carne humana, em um homem deste tempo final.

         Assim como esteve manifestado em um homem de cada era (chamado o mensageiro de cada era) na porção correspondente a cada era, assim para o Último Dia estará manifestado no Anjo Mensageiro de Jesus Cristo na Palavra prometida para a Era da Pedra Angular, para a era final; ou seja: para a Era Eterna da Igreja de Cristo, para este tempo no qual nós estamos vivendo.

         E toda promessa feita para Sua Igreja para este tempo final será cumprida na Era da Pedra Angular por meio da manifestação do Anjo que era diferente dos demais através do Seu Anjo Mensageiro.

         Mas esse Anjo Mensageiro de Jesus Cristo não é o Senhor Jesus Cristo; ele somente é o instrumento de Cristo através do qual o Anjo que era diferente dos demais, que é Cristo, estará manifestado no Último Dia no cumprimento do Sétimo Selo; para em seguida que chamar e juntar a todos Seus escolhidos com a Grande Voz de Trombeta do Evangelho do Reino, que gira ao redor da Segunda Vinda de Cristo, em seguida Ele fará Sua reclamação: tomará o Livro da Vida, o Livro, o Título de Propriedade; fará Sua reclamação, e os mortos em Cristo em seguida ressuscitarão em corpos eternos e nós os que vivemos seremos transformados.

         Estamos em uma etapa muito importante onde Cristo está chamando e juntando seus escolhidos com a Grande Voz de Trombeta do Evangelho do Reino. Onde? Na Era da Pedra Angular. Em que território? Na América Latina e no Caribe.

         E agora, tudo isso está sob o Sétimo Selo do Livro selado com sete selos que está na mão direita do que está sentado no Trono; o qual em seguida em Apocalipse, capítulo 5, foi tomado pelo Cordeiro; e em seguida em Apocalipse, capítulo 6, foi aberto pelo Cordeiro, desde o Selo número um até o Selo número seis; e em seguida em Apocalipse, capítulo 8, foi aberto o Sétimo Selo.

         Agora podemos ver que tudo o que é mostrado aí, nesses Selos, se cumpre aqui na Terra durante todo esse tempo das diferentes etapas da Igreja de Jesus Cristo, desde seu nascimento até este tempo final.

         E agora, o Livro aberto no Céu é o Título de Propriedade, é o Livro da Vida do Cordeiro, é o Título de Propriedade ou Livro da Redenção, pelo qual Cristo fez intercessão no Céu, porque fez intercessão pelas pessoas que têm seus nomes escritos no Livro da Vida do Cordeiro.

         Quando tiver terminado Seu trabalho de Intercessor, Ele tomará o Livro, abrirá no Céu esse Livro, fará Sua reclamação no Céu e virá então a ressurreição dos mortos em Cristo e a transformação de nós os que vivemos; e daí em diante haverá uma manifestação plena, onde se verão grandes maravilhas, milagres e sinais por meio do instrumento através do qual a Palavra, o Verbo, estará manifestada em carne humana neste Último Dia.

         Será uma nova fase ou etapa do ministério de Cristo, do Anjo que era diferente dos demais, através do Seu Anjo Mensageiro; e já com essa manifestação serão chamados e juntados os escolhidos do povo hebreu.

         Vamos ver algo aqui já para terminar, Vamos ver se o temos aqui. Na página 303 (vejamos aqui) do livro As Eras… Vamos ver se temos algo aqui. Diz, falando dos 144.000 hebreus diz:

         “105. Isto não sugere, de maneira nenhuma, que não se registrarão mais nomes das tribos de Israel no Livro da Vida, porque muitos destes (mas não multidões) por meio da eleição estarão na era da igreja gentia e entrarão ao Corpo de Jesus Cristo, mostrando que seus nomes em verdade permaneceram no Livro da Vida. Além disso, como mostraremos, segundo o Quinto Selo, a multidões de mártires judeus lhes serão dadas roupas brancas e vida eterna pelo Senhor. Também os 144.000 serão selados ao se cumprir Sua Vinda, provando assim que seus nomes também não foram apagados. No Salmo 69 está mostrado perfeitamente que são os malvados, os injustos repudiadores de Cristo e os destruidores do Seu povo, cujos nomes serão tirados.

         106. Como Israel (o povo eleito de Deus), em Sua maioria perdeu seus direitos no Livro da Vida ao rejeitar Jesus, assim também a maioria da igreja gentia entrará em condenação, com o resultado de que seus nomes serão apagados do Livro da Vida, por causa da rejeição à Palavra e de entrar…”

         E continua aí enumerando as diferentes coisas nas quais entrarão; que lhes causará o grave problema dos Seus nomes serem apagados do Livro da Vida; porque se unirão à besta e a sua imagem, ao anticristo.

         E agora, vimos este mistério. E agora, vejam vocês, vamos ver um pouquinho aqui na página 30 (vamos ver) do livro As Eras; diz assim, falando do povo hebreu:

         “109. Agora, quando voltará o Evangelho aos judeus? Quando tiver terminada a dispensação dos gentios. O Evangelho está preparado para voltar para os judeus. Oh, se tão somente pudesse dizer algo que está a ponto de acontecer, neste nosso dia. Esta grande coisa que vai acontecer percorrerá até Apocalipse 11; e aquelas duas testemunhas, aqueles dois profetas, Moisés e Elias, trazendo o Evangelho de novo aos judeus. Estamos prontos. Tudo está em ordem. Igual como os judeus trouxeram o Evangelho aos gentios, assim também os gentios o levarão de regresso aos judeus, e o Rapto acontecerá.”

         Ou seja: que antes de acontecer o rapto, o Evangelho vai passar aos judeus por meio dos ministérios de Moisés e Elias; porque estarão estes ministérios no meio dos gentios, no meio da Igreja gentia, para em seguida passar ao povo hebreu a Mensagem do Evangelho do Reino.

         Vimos que antes da Igreja de Jesus Cristo ir, algo grande vai acontecer que vai chamar a atenção dos hebreus, 144.000 hebreus. Encontramos tudo isto prometido nas Escrituras para ser cumprido neste Último Dia conforme às profecias divinas.

         E agora, vejam vocês, o povo hebreu vai receber essa bênção da parte de Deus; e, com essa bênção que o povo hebreu vai receber, olhem vocês, a qual será por meio dos ministérios de Moisés e Elias, na página 359 do livro Os Selos em espanhol diz:

         “141. Agora, Esaú não tinha necessidade do dinheiro de Jacó, como tampouco o necessita Roma, porque Roma tem as riquezas do mundo em Suas mãos. Mas encontramos que naquela ocasião quando ainda era Jacó, encontrou-se com Deus, e estava passando por esse tempo de tribulação, então Jacó lançou mão de algo que era real. Houve um Anjo que desceu do Céu, e Jacó manteve seus braços ao redor do Anjo, e ali se manteve. Este Anjo lhe disse: ‘Tenho que ir, já está amanhecendo’. Oh irmão: O Dia está por aparecer, está por chegar!”

         Está pelo quê? Por amanhecer. Que dia? O dia milenial, ou seja: o sétimo milênio, e a sétima dispensação, ou seja: sétimo dia dispensacional também.

         “142. Mas Jacó disse: ‘Não vou te deixar ir se não me abençoares! Não podes partir, eu vou ficar contigo. Eu quero que venha uma mudança na minha situação. Esses são os 144.000, os ganhadores de dinheiro que foram tão desonestos com as finanças; mas quando eles por fim virem a coisa verdadeira e a possibilidade de agarrar-se dele, ali estarão Moisés e Elias (porque é por meio dos ministérios de Moisés e Elias que estes 144.000 serão convertidos a Cristo, a Deus). Amém! Eles também lutarão com Deus até que 144.000 das doze tribos de Israel sejam chamados e tirados fora.

         143. Isso acontece justamente antes de começar a tribulação. (E aí, vejam vocês, diz) Quão formoso! Estes dois profetas pregarão como João o Batista, e lhes dirão: ‘O Reino dos Céus está à mão. ISRAEL; ARREPENDA-SE!’ Arrependam-se do que? ‘Arrependam-se dos Seus pecados e da sua incredulidade, e regressem a Deus.’”

         E aí o vamos deixar.

         Agora, vejam vocês que haverá algo acontecendo antes de começar a tribulação que chamará a atenção do povo hebreu.

         E para a ressurreição dos mortos em Cristo também estará acontecendo algo. E quando já ressuscitarem os mortos em Cristo e todos estiverem transformados (e nós estivermos transformados), algo muito grande estará acontecendo a nível mundial; e aí haverá grandes maravilhas e milagres, porque a Igreja de Jesus Cristo já estará com seu corpo eterno, e estaremos aqui de 30 a 40 dias depois da ressurreição.

         E durante esse tempo grandes coisas estarão acontecendo, como quando Cristo ressuscitou com os Santos do Antigo Testamento e esteve 40 dias sobre a Terra, aparecendo aos seus discípulos em diferentes ocasiões, e pregando, falando sobre o Reino, e realizando grandes maravilhas também; grandes sinais e milagres Ele realizou também.

         Bom, vimos que tudo isto está contido no Livro dos Sete Selos; aí aparecem os hebreus também e aparece a Igreja gentia também.

         E agora, podemos ver o mistério deste Livro aberto no Céu: é o Livro da Redenção, o Título de Propriedade dos Céus e da Terra, é o Livro da Vida do Cordeiro e é também chamado a Bíblia; porque a Bíblia; vejam vocês, é o conteúdo desse Livro dos Sete Selos.

         A Bíblia; vejam vocês, vem do Livro da Verdade que está no Céu; daí é que o Arcanjo Gabriel trouxe essa revelação ao profeta Daniel, daí é que vêm as revelações divinas aos profetas de Deus. E vejam vocês como o Livro se esteve materializando na Terra em seres humanos e também se esteve fazendo letra no meio dos seres humanos.

         Agora podemos ver que o que está na Bíblia, em seguida, quando são abertos os Selos, aparece também ali nos Selos.

         Vimos: “O LIVRO ABERTO NO CÉU”.

         Ainda não está aberto no Céu esse Livro, mas está se cumprindo na Terra de etapa em etapa, de era em era. Desde os dias de Jesus ou dos dias da Igreja de Jesus Cristo nascendo no Dia de Pentecoste em diante, encontramos que esteve se cumprindo o que está nesse Livro dos Sete Selos.

         Por isso é que no Antigo Testamento Deus falou por meio dos profetas e falou a sobre a Igreja que nasceria, falou sobre desse Corpo Místico de Cristo, dessa Nova Criação; falou da Primeira Vinda de Cristo e do nascimento da Igreja, e de todas estas etapas pelas quais passaria a Igreja do Senhor.

         Por isso é que podemos encontrar no Antigo Testamento profecias que falam destes dias que nós estamos vivendo e do cumprimento destas coisas que Deus está realizando neste tempo final; podemos ver que as coisas que estão acontecendo neste tempo estão profetizadas tanto no Antigo Testamento como no Novo Testamento.

         Vimos: “O LIVRO ABERTO NO CÉU”.

         Vimos que Cristo ainda não saiu do Trono de Intercessão, e graças a Deus. Graças a Deus por isso, porque ainda há misericórdia para os que faltam receber a Cristo como seu Salvador, lavar seus pecados no Sangue de Cristo e receber Seu Espírito Santo, e nascer de novo neste tempo final, e serem colocados na etapa correspondente a este tempo, que é a etapa da Era da Pedra Angular; até que se complete o número dos escolhidos de Deus, que se completa onde? Na Era da Pedra Angular; e depois a porta será fechada, e já não haverá mais misericórdia.

         Mas haverá a ressurreição dos mortos em Cristo e a transformação de nós os que vivemos, e já seremos imortais fisicamente também; e escaparemos da grande tribulação que virá porque iremos com nosso Senhor Jesus Cristo à Ceia das Bodas do Cordeiro.

         Agora, vimos que não é um assunto de uma luta humana e de dizer: “Eu quero ser um escolhido, eu quero ter um corpo novo”, não; é algo que já foi predestinado por Deus, destinado por Deus, eleito por Deus, desde antes da fundação do mundo, para ser manifestado de era em era o propósito divino com os eleitos de Deus.

         Estamos aqui crendo em Sua Palavra e perseverando nela porque fomos eleitos por Deus desde antes da fundação do mundo e nossos nomes estão escritos no Livro da Vida do Cordeiro desde antes da fundação do mundo; estão escritos nesse Livro que está selado na destra do que está sentado no Trono, o qual é aberto em Apocalipse, capítulo 6, versículos do 1 ao 17, e Apocalipse, capítulo 8, versículo 1.

         E agora vimos onde nós estamos, onde estão nossos nomes escritos e quem somos e de onde nós viemos, onde estamos e para onde nos dirigimos no Programa de Deus. Vimos que pertencemos a uma Nova Criação.

         Ao receber a Cristo como nosso Salvador e lavar nossos pecados no Sangue de Cristo e receber Seu Espírito; obtivemos vida eterna. Porque viemos primeiro em uma raça caída, sem vida, mas com morte; mas agora recebemos vida eterna por meio de Cristo e recebemos um corpo teofânico com vida eterna; e agora no Último Dia receberemos um corpo físico glorificado com vida eterna também, para assim estar em um corpo imortal e incorruptível e jovenzinho por toda a eternidade.

         Sabem vocês de uma coisa? Que não haverá crianças nem anciões no Ceia das Bodas do Cordeiro da Igreja de Jesus Cristo; não haverá rapto para crianças nem para anciãos, mas somente para jovens. E o que será dos crianças e dos anciãos que temos atualmente? Não se preocupe com eles: a promessa é que serão transformados e terão um corpo eterno e jovenzinho.

         E todos seremos jovenzinhos; portanto, o rapto será para jovens. Não será nem para anciãos nem para crianças, mas para jovens, porque estaremos todos em corpos jovenzinhos.

         Nossas crianças serão transformadas e terão um corpo jovenzinho, representando de 18 a 21 anos; e os nossos anciãos terão um corpo jovenzinho também e eterno; e os jovens, pois, serão transformados também e obterão um corpo imortal e terão um corpo jovenzinho também para toda a eternidade.

         Veem? Não haverá nem anciãos nem crianças no rapto, mas todos jovenzinhos, porque todos terão um corpo novo. As crianças receberão um corpo jovenzinho, um corpo novo e eterno, um corpo de uma pessoa jovem, de 18 a 21 anos de idade.

         Isso Deus tem para nossas crianças e para nossos anciãos e para nossos jovens também; para cada um de vocês e para mim também; e tudo está conforme ao Livro da Verdade, ao Livro da Vida do Cordeiro, ao Livro da Redenção que está no Céu.

         Foi para mim uma grande bênção estar com vocês dando-lhes testemunho de O LIVRO ABERTO NO CÉU.

         Que Deus lhes abençoe grandemente, que Deus lhes guarde; e em frente servindo a Cristo, perseverando em Sua Palavra e esperando em breve o novo corpo que Ele prometeu para cada um de nós.

         Que Deus continue abençoando a todos, e em breve todos sejam transformados e tenhamos o novo corpo, e vamos à Ceia das Bodas do Cordeiro no Céu, à Casa do nosso Pai celestial. No Nome Eterno do Senhor Jesus Cristo. Amém e amém.

         Conosco novamente Miguel Bermúdez Marín para continuar e finalizar nossa parte nesta ocasião.

         Que Deus os abençoe, e passem todos muito boa noite.

         “O LIVRO ABERTO NO CÉU”.

            [Revisão julho 2019]

Encontre-nos

Carretera No.1 Km 54.5
Barrio Monte Llano
Cayey, Puerto Rico
00736

Twitter